Ramos Doces. Com tecnologia do Blogger.

sexta-feira, 14 de outubro de 2011

Os alimentos e as cores


As cores dos nossos alimentos são determinadas pela presença de pigmentos. Estas substâncias, além de colorir, desempenham papéis importantes na prevenção e na protecção do organismo contra doenças infecciosas. Por isso é que é recorrente ouvir que uma alimentação saudável corresponde a uma alimentação colorida.

Por exemplo os alimentos brancos como o Queijo, Leite, Couve-Flor, Arroz, Batata... são as melhores fontes de cálcio e potássio, contribuindo assim para a formação a manutenção dos ossos, sistema nervoso, músculos e ainda ajudam a melhorar e regular o batimento cardíaco.

Vermelhos (Tomate, Morango, Framboesa, Melancia...): Têm lipoceno, uma substância anti-oxidante e por isso ajudam o aparecimento de cancro na próstata e a estimular a circulação sanguínea.

Amarelos ou Alaranjados (Cenoura, Manga, pêssego, abóbora..): São ricos em vitamina B3 e ácido clorogénico. São substâncias que mantêm o sistema nervoso saudável e ajudam a prevenir o cancro da mama. Também possuem beta-caroteno, um antioxidante que ajuda a proteger o coração.

Verdes (Alface, Pimento, Salsa...): Têm clorofila e vitamina A, ajudam por isso a desintoxicar as células, têm efeito anti-cancerígeno, ajudam a proteger o coração e ainda o cabelo e a pele.

Castanhos (Nozes, Castanhas, Cereais...): Contêm fibras e vitaminas do complexo B e E. Melhoram o funcionamento do intestino, combatem a ansiedade e depressão, previnem o cancro e as doenças cardiovasculares.

São algumas breves explicações de como as cores dos alimentos influenciam o nosso organismo e a nossa saúde. Por isso na hora de confeccionar a sua refeição não esqueça de variar e colorir muito! Além de saudável, ficará com um aspecto muito apetitoso, atractivo e divertido!

Sem comentários:

author
Ramos Doces
Desde 2010 a transformar a oferta de flores, num momento único, recheado de imaginação e doçura. ramosdoces@hotmail.com